"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Roteiros

Sever do Vouga (Roteiro 1)

Ao longo deste roteiro serão dados a conhecer alguns dos legados culturais e bens naturais da freguesia de Cedrim e Talhadas.

 

Iniciar-se-á na freguesia de Cedrim mais propriamente no Miradouro do Castelo, elevação montanhosa da qual se vislumbra toda uma paisagem verdejante e repousante do vale do Vouga, bem como o próprio Rio Vouga. 

Em seguida sugere-se uma visita à Via Romana, localizada na freguesia de Talhadas.

O Troço da Via Romana que passa no lugar de Ereira, fazia a ligação entre o nó viário de Viseu e a estrada Olisipo/Bracara, ou seja, Lisboa/Braga, pertencente à rede viária romana (séculos II e IV). Esta via entroncava na estrada Olisipo/Bracara na zona de Cabeço do Vouga, passando por Talhadas, Benfeitas, Reigoso, S. Pedro do Sul e Viseu. Este Troço de 230 m de extensão, foi classificado como Imóvel de Interesse Público em 1987. Após a intervenção arqueológica e de limpeza e conservação deste Troço, foi possível identificar duas técnicas de construção então utilizadas pelos romanos: afeiçoamento do afloramento rochoso e pavimento com lajes de pedra. A estrutura de suporte da via nas zonas em que o terreno é acidentado, é em egger, constituída por grandes pedras colocadas em cunha, de forma a suster lateralmente as lages que pavimentam a via, evitando assim o seu desmoronamento. Por esta estrada circulavam exércitos, pessoas, bens e simultaneamente o ideal de vida romano que tão bem os romanos souberam implantar.

Continuando na visita ao património legado pelos nossos antepassados, seguem-se as Antas do Chão Redondo n.º 1 e 2.
 
A 150 metros da estrada que liga Talhadas à Ereira encontram-se estes monumentos megalíticos, merecedores de uma visita e contemplação. A datação provável destes monumentos será o Neolítico final / Calcolítico (finais do IV milénio, início do III milénio A.C.). Tratam-se de estruturas complexas compostas por espaços bem definidos, espaços mais “públicos” onde periodicamente tinham lugar determinados rituais funerários abertos a toda a comunidade e espaços mais reservados e de acesso condicionado apenas a um reduzido número de indivíduos. São monumentos de índole funerária mas também religiosa, perpetuando os seus antepassados e ao mesmo tempo assumindo-se como locais de culto e de união entre as populações. Ambos os Monumentos estão classificados como Imóveis de Interesse Público.

Na estrada para a sede de freguesia, deparamo-nos na berma desta com dois Monólitos que serão, segundo lenda, a origem do nome da localidade – Talhadas – “(…) o nome veio-lhe do enorme penedo pousado dentro da povoação, que se partiu em dois em consequência do terramoto geral, acontecido quando da morte de Cristo.”

Já no centro da freguesia a Igreja Matriz é local de visita obrigatória, pela arte da Talha dourada que ostenta os seus altares. A construção desta igreja terá sido iniciada em cerca de 1700.
Apresenta quatro magníficos retábulos colaterais e um pujante altar-mor em talha dourada de formas estilisticamente barrocas. Sendo a arte da talha uma das expressões mais relevantes do espírito barroco e uma das expressões artísticas mais significativas do sentir português, compreende-se que esteja presente em todo o território nacional, dispersa por conventos, mosteiros, igrejas, capelas, palácios, e até nos locais mais recônditos de algumas habitações.

De todos os retábulos que compõem a Igreja, destaca-se o seu retábulo-mor, pela excelente concepção e feitura. Este é composto por colunas pseudo-salomónicas de fuste espiralado, onde se encontram conjugados o carácter funcional e simbólico ascensional e de aspiração mística: a coluna, como eixo por excelência do sagrado, assinala a presença de Deus, e a sua forma espiralóide ou salomónica simboliza a ascensão das almas nos caminhos da perfeição e do bem. Estas colunas são rematadas na parte superior por arcos concêntricos. Como temas decorativos predominantes, o retábulo apresenta folhas de videira e cachos de uvas (símbolos eucarísticos), serafins e pássaros (as chamadas fénices que simbolizam a eternidade), enrolamentos de folhas de acanto combinados com serafins e imagens em peanhas.

Quase no fim deste percurso e ainda na freguesia das Talhadas, a Aldeia das Arcas apresenta-se como o nosso próximo destino. Lá podemos visitar a Anta Capela dos Mouros, monumento de grandes proporções, composto de câmara e corredor longo, datado dos finais do IV milénio, início do III milénio A.C.

Atualmente encontra-se em fase de classificação como Monumento de “Interesse Público”.

Para terminar este roteiro, não poderia faltar a visita ao Miradouro de Santa Maria da Serra, do qual se pode ter uma perspetiva abrangente de todo o concelho, bem como da costa lagunar de Aveiro, em dias de perfeita visibilidade.

 

Agenda
Exposições

"Filhos de 74"

APOIARTE - Casa do Artista 12 Abr a 30 Jun 2024

Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

"A GRANDE VIAGEM 2: ENTREGA ESPECIAL"

Em parceria com a PRIS Audiovisuais, oferecemos convites duplos para as antestreias agendadas para 21 de abril (domingo) às 11h00, em Gaia e Lisboa. Participe e habilite-se a ser um dos felizes contemplados!

Passatempo

Ganhe convites duplos para o ciclo de cinema da ANIMar 19

Em parceria com a Solar - Galeria de Arte Cinemática, oferecemos convites duplos para as próximas sessões de cinema da ANIMar 19 no Teatro Municipal de Vila do Conde, onde serão exibidos os filmes "Pesca do Bacalhau", "Å Seile Sin Egen SJØ (Vida Costeira)", "A Extraordinária Aventura do Zéca" e "Até Amanhã, Mário".

Passatempo

Ganhe convites para a peça "A LIBERDADE É UMA MALUCA"

Em parceria com o Teatro do Bairro, oferecemos convites duplos para uma peça escrita e encenada por Hugo Mestre Amaro que, evidenciando o impacto de algumas decisões políticas e ocorrências sociais no contexto da vida privada, constitui uma sátira que intenta ser um retrato de um Portugal herdeiro, nestas últimas cinco décadas, da Revolução dos Cravos. Findo o passatempo, anunciamos aqui os nomes dos vencedores!

Visitas
90,670,140