"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

Sara Tavares dá voz ao Cosmos de Moullinex

Depois dos singles de sucesso “Running in the Dark”,“Ven” e “Inner Child”, com as colaborações marcantes de GPU Panic e Ekstra Bonus, o novo tema é uma viagem pelo Cosmos que antecede o novo álbum do produtor, a estrear em abril.


Desde cedo, Luís Clara Gomes olhava para as estrelas, desenhava mapas galáticos e naves espaciais. Em idade adulta, a sua obsessão com a ciência e astronomia manteve-se mais viva que nunca e foi a chave para a produção de música eletrónica. Foi nos temas ligados ao cosmos que encontrou em Sara Tavares a colaboração perfeita para o seu novo single “Minina di Céu”, com data marcada para o dia 19 de fevereiro. A artista estabeleceu-se como uma das vozes principais na cultura musical cabo-verdiana e portuguesa, influenciando assim uma geração de músicos e Moullinex não foi exceção.

A nova faixa “Minina di Céu”, cantada em crioulo, narra a vida de uma menina com a necessidade incessante de explorar o cosmos. A sua história, repleta de esperança e curiosidade, é maravilhosamente narrada pela voz inconfundível de Sara Tavares, acompanhada de uma combinação suntuosa de sintetizadores e percussão tradicional da África Ocidental, misturando as raízes da cantora com o melhor da eletrónica de Moullinex.

Depois de “Running in the Dark” e “Inner Child”, com a colaboração de GPU Panic, e “Ven” com Ekstra Bonus, este novo single é mais um vislumbre do tão aguardado quarto álbum de Luís Clara Gomes, “Requiem for Empathy”, com data marcada para o dia 30 de abril. Um trabalho que, para além de todas as colaborações já anunciadas, conta ainda com Selma Uamusse e Afonso Cabral, numa combinação de artistas que redefinem a cena musical de Lisboa, ao se conectarem com múltiplas expressões culturais onde a capital portuguesa é naturalmente o seu ponto de encontro. “Requiem for Empathy” é ainda acompanhado de uma capa de Bráulio Amado, num jogo de sombras tanto na fotografia como na arte 3D e ainda enriquecido com a mistura de David Wrench (Caribou, Frank Ocean, The XX). Os três singles antecessores contam ainda com remixes do “disco-don” de LA, Poolside, o maestro inglês Seb Wildblood e ainda do conceituado produtor Patrice Bäumel.

O single “Minina di Céu” está disponível nas plataformas digitais habituais, e encaminha-nos para o novo álbum de Moullinex, um disco também disponível para pré-reserva em formato vinil, para ser guardado e estimado.




Moullinex
Website
Facebook
Instagram

Agenda
Ver mais eventos
Visitas
57,145,397
>