"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Publicações

Assírio & Alvim inicia a publicação da poesia de Jorge de Sena

Perseguição e Coroa da Terra são os primeiros volumes da nova coleção Obras de Jorge de Sena.


Perseguição (1942) é o título de estreia de Jorge de Sena, o primeiro livro da sua longa produção poética, cuja publicação a Assírio & Alvim inicia a 20 de maio. Neste primeiro fôlego, o autor parece libertar a poesia portuguesa de uma aparente asfixia trazida por Pessoa, reinterpretando o lugar do eu poético face ao mundo observado e subvertendo um certo sentimentalismo lírico que havia feito escola nas letras portuguesas. Prefácio de Fernando J.B. Martinho.

ETERNIDADE

Vens a mim
pequeno como um deus,
frágil como a terra,
morto como o amor,
falso como a luz,
e eu recebo-te
para a invenção da minha grandeza,
para rodeio da minha esperança
e pálpebras de astros nus.
Nasceste agora mesmo. Vem comigo.

Na mesma ocasião, é publicado Coroa da Terra (1946), o seu segundo livro de poesia. A partir das suas deambulações pelo Porto, cidade a que dedica este título, Sena mostra-nos a visão de um mundo cru e impiedoso, à espera de ser sublimado pela melodia dos seus poemas. Prefácio de Francisco Cota Fagundes. 

BAPTISMO

Os mais difíceis poemas onde falo de amor
são aqueles em que o amor contempla.

O amor esquece ao contemplar,
esquece que não existe e encantado olha
um raio anónimo sob o vento mais leve.

Contempla, amor, contempla.

E vai criando o nome que darás ao raio.

SOBRE OS LIVROS
Título: Perseguição
Autor: Jorge de Sena
Prefácio: Fernando J.B. Martinho
N.º de Páginas: 112
PVP: 14,40 €
Coleção: Obras de Jorge de Sena

Ver primeiras páginas
Título: Coroa da Terra
Autor: Jorge de Sena
Prefácio: Francisco Cota Fagundes
N.º de Páginas: 112
PVP: 14,40 €
Coleção: Obras de Jorge de Sena

Ver primeiras páginas

SOBRE O AUTOR
Jorge de Sena

Nasceu em Lisboa a 2 de novembro de 1919 e morreu em Santa Bárbara, na Califórnia, a 4 de junho de 1978. Licenciado em Engenharia Civil pela Faculdade de Engenharia do Porto, parte para o exílio no Brasil em 1959 e aí doutora-se em Letras e torna-se regente das cadeiras de Teoria da Literatura e de Literatura Portuguesa. Muda-se para os EUA em 1965, lecionando na Universidade de Wisconsin e, anos depois, na Universidade da Califórnia. Poeta, ficcionista, dramaturgo, ensaísta e tradutor, é considerado um dos mais relevantes escritores de língua portuguesa do século xx, autor de títulos como Metamorfoses (1963), Os Grão-Capitães (1976), O Físico Prodigioso (1977) e Sinais de Fogo (1979), este último considerado a sua obra-prima.
Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para o filme "MELHORES AMIGAS"

Em parceria com a Zero em Comportamento, oferecemos 5 bilhetes duplos para ver o FILME DO MÊS, no próximo dia 10 de dezembro (sábado), pelas 18h00, na Biblioteca de Alcântara.Findo o passatempo, anunciamos aqui os nomes dos vencedores!

Visitas
73,383,627