"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Publicações

"O pássaro noturno", de Johanna Mo

O passado está sempre presente no primeiro título de Os Crimes de Öland.


A Porto Editora faz chegar às livrarias de todo o país O pássaro noturno, de Johanna Mo. Este é o primeiro título de Os crimes de Öland, série policial que atingiu imediatamente o estatuto de bestseller após a sua publicação na Suécia e também na Alemanha, dois dos 17 países que irão receber esta obra.

Unida ao território continental pela icónica ponte Ölandsbron, a ilha de Öland está a um mundo de distância da cosmopolita capital sueca. Para Hanna Duncker, detetive na Unidade de Crimes Graves de Kalmar, um mundo de distância não foi suficiente para quebrar as amarras do seu passado. Assim, 16 anos depois de abandonar a ilha, Hanna regressa à sua terra natal e recorda o quão severo pode ser o anátema da memória coletiva. Em particular, quando o passado está sempre presente.

Na desolada planície de Alvaret, no sul da ilha, o cadáver de um rapaz de 15 anos é descoberto. As circunstâncias violentas da sua morte estilhaçam o quotidiano da comunidade e assombram a detetive: os ecos do crime horrendo cometido pelo pai, muitos anos antes, continuam a fazer-se sentir. Conseguirá, algum dia, livrar-se deste legado?

Um policial tenso que assinala a estreia em Portugal de uma autora sensação do policial nórdico.

CRÍTICAS

“A nova série policial de Johanna Mo, sobre a detetive Hanna Duncker, arranca com um fantástico livro, com uma trama autêntica e personagens credíveis, que capta de imediato o leitor. (…) Hanna Duncker é uma pessoa que, como leitores, queremos conhecer. O pássaro noturno é um thriller que não conseguimos largar, e merece chegar a um público vasto e leal.”
POV International

“Um policial muito bem escrito, que se desenrola na pequena ilha de Öland. Johanna Mo interessa-se pelas pessoas que aí vivem, retratando-as com precisão e empatia. A autora lança um olhar incisivo sobre os eventos banais do quotidiano e sobre os efeitos nefastos que situações inesperadas podem ter sobre os indivíduos. Em vez de se lançar numa linha de ação sangrenta, consegue criar suspense através da vida das pessoas, das relações e emoções entre elas.”
Stavanger Aftenblad

“Brutalmente bom!”
Sofie Sarenbrant

“Intenso e pleno de suspense, num cenário belíssimo.”
Femina

“Hanna Duncker é uma personagem sobre a qual queremos ler mais. Há algo de profundamente fascinante na sua persona secreta. Sob a superfície, é contemplativa e emotiva, enquanto que para o exterior passa uma imagem tensa e intangível. O pássaro noturno marca o início de uma nova coleção, e deixa fundadas expectativas. É emocionante e bem escrito!
Dagens bok

“Começar uma nova série é algo exigente: requer o estabelecimento de uma base sólida que perdure ao longo de vários livros, e a autora alcançou esse objetivo na totalidade. A trama, as personagens, o cenário, a escrita e a técnica narrativa combinam na perfeição, fazendo-nos ansiar pelo próximo livro. Johanna Mo é incrivelmente boa a criar um perfil psicológico dos indivíduos e do grupo, suscitando empatia tanto pela vítima como pelo perpetrador – e por todos os que os rodeiam. Impressionante!"" Kapprakt

SOBRE O LIVRO
O pássaro noturno
A detetive Hanna Duncker está de regresso à terra natal. Dezasseis anos depois de trocar Öland por Estocolmo, a morte do pai obriga-a a revisitar a ilha onde passou a infância. Apesar de tudo o que aconteceu lá, apesar dos mexericos e de sentir todos os olhares postos em si, é naquele lugar remoto junto ao mar que se sente em casa.
Quando Joel, um adolescente de 15 anos, é encontrado morto e com sinais de violência no parque de merendas de Möckelmossen, Hanna é arrastada para uma investigação que envolve a sua antiga melhor amiga – aquela que abandonara sem qualquer explicação.
Ao mesmo tempo que procura descobrir o assassino de Joel, Hanna continua a viver as consequências de um crime horrendo cometido pelo pai, muitos anos antes. Conseguirá, algum dia, quebrar a ligação ao passado?

Título: O pássaro noturno
Autora: Johanna Mo
Tradução: João Reis
Páginas: 408
PVP: 18,80€

Ver primeiras páginas

SOBRE A AUTORA
Johanna Mo

É natural de Kalmar — onde passou a infância —, e vive atualmente em Estocolmo. Venceu o prémio cultural Pena Dourada (Gyllene Fjädern) e foi nomeada para o Prémio de Romance da Rádio Sueca. Trabalha há 20 anos como escritora, revisora, leitora na área da edição, crítica literária e tradutora.
O pássaro noturno é o seu oitavo livro, e o primeiro da série Os crimes de Öland, que será publicada em 18 países.
Agenda
Ver mais eventos
Visitas
66,778,572