"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

Eduardo Lourenço homenageado na abertura do Congresso Fernando Pessoa

Arranca esta quarta-feira na Fundação Calouste Gulbenkian em Lisboa, o Congresso Internacional Fernando Pessoa 2021. Até sexta-feira, investigadores, professores, doutorandos e curiosos da obra do poeta exploram novas abordagens.

Eduardo Lourenço no filme "Labirinto da Saudade", de Miguel Gonçalves Mendes. Foto: DR


Renovar o olhar sobre a obra de Fernando Pessoa será um dos objetivos do Congresso Internacional que começa esta quarta-feira, em Lisboa. Organizado de quatro em quatro anos, pela Casa Fernando Pessoa, o encontro vai juntar ao longo de três dias investigadores, professores e doutorandos em torno da obra do poeta.

Na Fundação Calouste Gulbenkian serão conhecidos os novos caminhos que estão a ser trilhados no estudo da obra de Pessoa. Ao programa Ensaio Geral da Renascença, Clara Riso, diretora da Casa Fernando Pessoa, indica que este encontro “tem, sobretudo, o propósito de encontrar, mapear e detetar quem são as pessoas e quais as áreas de estudo que estão a ser trabalhadas”.

Entre os temas previstos para algumas das mesas deste congresso estão, por exemplo, um olhar sobre os argumentos cinematográficos de Pessoa, que será dado por Marcelo Cordeiro de Mello, ou outro sobre "O que Fernando Pessoa pode ensinar à filosofia”, a cargo de Bartholomew Ryan. Serão também abordadas temáticas como a heteronímia ou “Pessoa dramaturgo”, com Flávio Rodrigo Penteado.

A investigação sobre Pessoa “não tem parado”

Como é que se explica que continue a surgir tanto material novo em torno de Fernando Pessoa, tantas publicações sobre o poeta? Clara Riso afirma que a “investigação em torno de Fernando Pessoa, na verdade, não tem parado”.

A diretora da Casa Fernando Pessoa indica que este congresso representa também “a oportunidade de acompanhar universidades e centros de investigação, em Portugal e fora de Portugal, e pessoas que se dediquem ao estudo de Fernando Pessoa”.

“Ao ver quais são os textos, as abordagens, os ângulos, as teorias que seguem” consegue-se “tomar o pulso à investigação em torno de Fernando Pessoa”, conclui Clara Riso que acrescenta que a este congresso vão também chegar muitas dessas novidades.

Para a comissão organizadora foram convocados Joana Matos Frias, Pedro Sepúlveda, António Cardiello e Rita Patrício, todos representantes de diferentes grupos de investigação de Pessoa.

A somar a estas diferentes abordagens, o congresso fez também uma chamada aberta a quem quisesse participar. “É como fizemos há quatro anos, uma call for papers”, explica Clara Riso, da qual resultaram sete novas comunicações.

Eduardo Lourenço, estudioso de Pessoa

O Congresso Internacional Fernando Pessoa, que decorre de 13 a 15 de outubro, vai debater ao longo dos dias diferentes temáticas, desde os contos, à dramaturgia, passando pela filosofia, e claro pela heteronímia de Pessoa. Mas o encontro “pessoano” é também marcado por homenagens a quem sempre estudou o poeta de “A Mensagem”.

Será uma homenagem “a pessoas que já não estão”, diz Clara Riso, mas a quem o estudo sobre o poeta do Desassossego muito deve. “O congresso abre com uma sessão de homenagem a Eduardo Lourenço e o segundo dia também abre com uma homenagem a Maria Aliete Galhoz e Ana Maria Freitas”, confirma Riso.

“É o outro lado dos estudos pessoanos, termos tempo para dedicar a pessoas que levaram décadas das suas vidas a estudar Pessoa”, explica a diretora da Casa Fernando Pessoa.

O público poderá assistir ao Congresso Internacional Fernando Pessoa comprando bilhete para o Auditório 2 da Fundação Calouste Gulbenkian, ou poderá assistir à distância de forma gratuita através dos canais de YouTube e Facebook da Casa Fernando Pessoa.

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para o documentário "À SOLTA NA INTERNET"

Em parceria com a Zero em Comportamento, oferecemos 10 convites duplos para assistir ao chocante documentário de Barbora Chalupová & Vít Klusák, que lança uma luz sobre a questão da exploração online de crianças. Habilite-se e... boa sorte! 

Passatempo

Ganha convites para a antestreia do filme "UMA PAIXÃO SIMPLES"

Em parceria com a PRIS Audiovisuais, oferecemos convites duplos para a antestreia do romance "Uma Paixão Simples" (Passion Simple) de Danielle Arbid baseado na obra de Annie Ernaux. As antestreias terão lugar no próximo dia 27 de outubro (quarta-feira), em Lisboa e Gaia. Participe e habilite-se a ser um dos felizes contemplados!  

Visitas
61,985,129
>