"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

João Luís Barreto Guimarães distinguido com Grande Prémio de Literatura DST

A 27.ª edição do Prémio de Literatura DST foi dedicada a obras de poesia de autores portugueses publicadas em 2020 e 2021.

Foto de Nelson Garrido


O livro Movimento, do poeta João Luís Barreto Guimarães, é o vencedor da 27.ª edição do Grande Prémio de Literatura DST, que será entregue em julho, na abertura da Feira do Livro de Braga, foi anunciado esta segunda-feira.

O júri destacou “os méritos incomuns na dicção e estrutura poéticas, marcadas por um sentido de rigor, concisão e problematização do quotidiano”, para atribuir o prémio à obra do poeta portuense, segundo o grupo DST, que atribui o galardão, num comunicado enviado à agência Lusa. O prémio, com um valor pecuniário de 15 mil euros, foi criado em 1995 pelo grupo nortenho DST, que tem a sua génese no setor da construção e diversificou mais recentemente a sua atividade para as áreas do ambiente e da energia.

Este ano, o júri foi constituído pelo professor, escritor e Prémio Camões 2020, Vítor Manuel de Aguiar e Silva, pelo presidente da Associação Portuguesa de Escritores, José Manuel Mendes, e pelo professor da Universidade do Minho Carlos Mendes de Sousa.

A 27.ª edição do Prémio de Literatura DST foi dedicada “a obras de poesia de autores portugueses, publicadas em 2020 e 2021, e contou com uma participação recorde de quase centena e meia de inscritos”.

O vencedor irá receber o prémio no dia 2 de julho, numa cerimónia no Theatro Circo, no âmbito da Feira do Livro de Braga.

João Luís Barreto Guimarães, que é também médico, nasceu em junho de 1967 no Porto e escreveu 11 livros de poesia, os primeiros sete reunidos em Poesia Reunida (2011), a que se seguiram Você está Aqui (2013), Mediterrâneo (2016), Nómada (2018), a antologia O Tempo Avança por Sílabas (2019) e Movimento (2020).

João Luís Barreto Guimarães já foi distinguido, entre outros, com o Prémio Criatividade Nações Unidas 1992, o Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa 2017, o Prémio Livro de Poesia do Ano Bertrand 2018, o Prémio Literário Armando da Silva Carvalho 2020 e o Willow Run Poetry Book Award 2020.

No ano passado, o prémio foi atribuído ao romance Livro de Vozes e Sombras, de João de Melo.

 


por Lusa e Público | 9 de maio de 2022
Notícia no âmbito da parceria Centro Nacional de Cultura | Jornal Público

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia do filme "SENTIMENTAL"

Em parceria com a PRIS Audiovisuais, oferecemos convites duplos para a antestreia da comédia espanhola "Sentimental" de Cesc Gay, que terá lugar no próximo dia 18 de maio em Lisboa e Gaia.  Participe e habilite-se a ser um dos felizes contemplados! 

Passatempo

Ganhe convites para o concerto de MARIO LUCIO E OS KRIOLS

Em parceria com o Auditório de Espinho, oferecemos convites duplos para o concerto que terá lugar no próximo dia 13 de maio (sexta-feira), às 21h30. Findo o passatempo, anunciamos aqui os nomes dos vencedores apurados.

Visitas
66,679,144