"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

Curta "Natureza Humana" de Mónica Lima vence concurso em Roterdão

Em "Natureza Humana", Crista Alfaiate e João Vicente estão no papel de um casal que questiona a sua vida durante a pandemia DR Filme de Mónica Lima, uma de duas curtas portuguesas no festival dos Países Baixos, é um dos três vencedores do concurso Ammodo Tiger Short, DR Esta é a quarta curta de Mónica Lima, formada na Academia de Cinema e Televisão de Berlim DR


O filme de Mónica Lima, uma de duas curtas portuguesas no festival dos Países Baixos, é um dos três vencedores do concurso Ammodo Tiger Short, repetindo a vitória de Pedro Neves Marques em 2022.

Ainda Roterdão mal entrou em velocidade de cruzeiro — o festival ainda não chegou a meio e continuará até dia 4 de fevereiro — e foram divulgados ao princípio da noite deste domingo os vencedores da competição de curtas-metragens Ammodo Tiger Short. E pelo segundo ano consecutivo há um filme português entre os três premiados.

Depois de Tornar-se um Homem na Idade Média, de Pedro Neves Marques, ter sido um dos vencedores de 2022, Natureza Humana, de Mónica Lima, uma das duas curtas nacionais no concurso, sai premiado com cinco mil euros da edição 2023 do festival dos Países Baixos. É mais uma vitória internacional para a curta-metragem portuguesa, depois de Ice Merchants de João Gonzalez estar nomeado para o Óscar da melhor curta de animação.

Para o júri, formado por Stanya Khan, artista multimédia, e os programadores Herb Shellenberger e Simone Zeefulk, Natureza Humana, que definem como uma “terna narrativa”, “cria um drama de câmara elegantemente simples mas eficaz entre os seus dois protagonistas e os animais e seres humanos que os rodeiam”. Trata-se da quarta curta de Mónica Lima, formada na Academia de Cinema e Televisão de Berlim, com Crista Alfaiate e João Vicente no papel de um casal que questiona a sua vida durante a pandemia.

Natureza Humana é um dos três vencedores, em “pé de igualdade” com dois filmes de base documental: Tito, que o americano Tyler McIntosh montou a partir de imagens que Kervens Jimenez (1989-2015) rodou secretamente durante a sua estadia na prisão por um crime pelo qual nunca foi julgado, e What the Soil Remembers, de José Cardoso, à volta de uma comunidade negra sul-africana expulsa durante os anos 1960 para abrir espaço para a universidade de Stellenbosch.

De salientar que, embora os vencedores tenham já sido anunciados, os múltiplos programas de curtas a concurso terão ainda várias exibições ao longo da semana (Natureza Humana será repetido terça-feira, 31). Quanto às competições de longas, onde estarão dois títulos portugueses a concurso, A Primeira Idade de Alexander David e Não Sou Nada de Edgar Pêra, os vencedores apenas serão anunciados na próxima sexta (3).


por Jorge Mourinha in Público | 30 de janeiro de 2023
Notícia no âmbito da parceria Centro Nacional de Cultura | Jornal Público

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites duplos para o espetáculo "City of Glass"

Em parceira com o Auditório de Espinho, oferecemos convites duplos para o concerto de Daniel Bernardes Trio & Coro Ricercare que terá lugar no próximo dia 2 de março (sábado), às 21h30. Findo o passatempo, anunciamos aqui os nomes dos vencedores!

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia do filme "NO WAY UP - SEM SAÍDA"

Em parceria com a Films4You, oferecemos convites duplos para a antestreia de um inquietante thriller, NO WAY UP - SEM SAÍDA, sobre luta pela sobrevivência depois da queda de um avião no Oceano Pacífico. Findo o passatempo, anunciamos aqui os nomes dos vencedores!

Visitas
88,941,006