"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

Forte secular em ilhéu cabo-verdiano vai ter centro interpretativo

A reabilitação em curso no secular Forte Duque de Bragança, construído num ilhéu para proteger a ilha cabo-verdiana da Boa Vista dos piratas, vai permitir a instalação de um centro interpretativo daquela área, anunciou o ministro da Cultura.

“Quando reconstruímos lugares como estes estamos a reconstruir parte da nossa própria história”, afirmou o ministro da Cultura e das Indústrias Criativas de Cabo Verde, Abraão Vicente, que está hoje de visita à ilha da Boa Vista.

O forte, construído durante o período colonial português, em 1820, no ilhéu na baía do porto da vila de Sal Rei, tinha a função de defesa daquele ancoradouro contra os então frequentes ataques de piratas à ilha da Boa Vista.

A um quilómetro da ilha da Boa Vista e da cidade de Sal Rei, sobreviveram até aos dias de hoje apenas os canhões e algumas muralhas, que ainda recordam as guerras do passado e a proteção da exportação de sal, pastel, algodão, gado, cal e cerâmica na altura.

“Apresenta-se também, a partir deste forte, o berço da ecologia de uma reserva natural da marinha a todo o mundo a partir de um património que serve como alavanca para a construção para contar a história da Boa Vista. Teremos, ainda, uma espécie de centro interpretativo para contar a história do ilhéu, da infraestrutura, e uma plataforma que se ligará ao Centro Interpretativo do Museu da Arqueologia Subaquática, com uma sala dedicada ao ilhéu”, afirmou ainda.

O Instituto do Património Cultural (IPC) é entidade responsável pelo projeto de reabilitação, conservação e musealização daquele forte com mais de 200 anos. Trata-se de uma obra avaliada em 4,2 milhões de escudos (38 mil euros), cofinanciada pela Direção Nacional do Ambiente através do programa da Bio-Tur e com financiamento do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

O forte já foi anteriormente alvo de trabalhos de prospeção arqueológica e neste momento as obras têm como foco a consolidação dos restos arquitetónicos, em sítios onde se revelem necessários, para que possa impedir a contínua degradação.

Após a conclusão da reabilitação, o objetivo do Governo cabo-verdiano é integrar o monumento na rota do turismo local, sendo esta a segunda ilha mais procurada pelos visitantes do arquipélago.

Segundo o IPC, o projeto, além de permitir reabilitar um forte histórico para o arquipélago, vai ainda gerar indiretamente uma nova fonte de rendimento para os pescadores locais, que garantem o transporte entre a ilha e o ilhéu.


Fonte: Lusa | 9 de março de 2023
Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia do filme "A MINHA CASINHA"

Em parceria com a PRIS Audiovisuais, oferecemos convites para a antestreia do filme "A MINHA CASINHA", vencedor do Prémio do Público no Festival de Austin e que apaixonou os críticos americanos pelo retrato tão humano e pela forma natural como levou tradições, sons e paisagens portuguesas além-fronteiras. 

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia do filme "O PARAÍSO DOS TONTOS"

Em parceria com a Films4You, oferecemos convites duplos para a antestreia do filme "O Paraíso dos Tontos", a mais recente comédia satírica realizada e protagonizada por Charlie Day, com a participação de Ken Jeog, Kate Beckinsale, Adrien Brody, Ray Liotta, Jason Bateman e John Markovich.

Visitas
85,962,576