"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Publicações

Nova edição do clássico de Charles Dickens é uma das apostas da Guerra e Paz para a quadra natalícia

Um dos 100 melhores romance de sempre, que estabeleceu Charles Dickens como um dos maiores romancistas ingleses, Um Cântico de Natal tem vindo a marcar várias gerações de leitores, tornando-se no maior clássico da quadra já alguma vez escrito.

O sucesso vem de trás e começou logo em 1843, com a primeira edição. Incontornável, a personagem de Scrooge, atormentada pelos fantasmas de uma vida avarenta e de profundo egoísmo, é o verdadeiro antagonista do espírito de partilha e de solidariedade que a quadra promove. Mas até o mais empedernido dos homens merece redenção.  Uma história para toda a família – mesmo para aqueles que dizem não gostar do Natal– Um Cântico de Natal ganha agora uma nova vida, numa edição Guerra e Paz, incluída na coleção «Admirável Mundo do Romance».

No dia da morte de Charles Dickens, o escritor Theodore Watts-Dunton ouviu uma rapariga que vendia fruta nas ruas de Londres exclamar: «Dickens morreu? Então, o Pai Natal também vai morrer?» Esta associação de Dickens ao Natal, que sobrevive até hoje, teve o seu auge com a publicação de Um Cântico de Natal, obra que o estabeleceu como um dos maiores romancistas ingleses. O livro foi um êxito imediato e nunca deixou de ser editado, tendo tal impacto cultural que se tornou numa parte essencial do Natal anglófono. Teve mais adaptações – no cinema, na televisão, no teatro, na banda desenhada e em outros livros – do que qualquer outro texto da literatura e surge frequentemente nas listas dos melhores romances da história da literatura.

Na obra, acompanhamos Ebenezer Scrooge, um frio e avarento velho homem de negócios que, na véspera de Natal, é visitado pelo espírito do antigo sócio, Jacob Marley. Tendo vivido como Scrooge, Marley está preso a uma eternidade de sofrimento e revela a Scrooge que a única forma de evitar um destino semelhante ao seu será redimindo-se do seu comportamento, através da oportunidade de reflexão que lhe será proporcionada pela visita do Fantasma do Natal Passado, do Fantasma do Natal Presente e do Fantasma do Natal Futuro que ainda hoje fazem parte do nosso imaginário coletivo.

Um imaginário em que a Guerra e Paz aposta neste Natal, numa novíssima edição Um Cântico de Natal que será incluída na sua colecção «Admirável Mundo do Romance», construída em torno de clássicos recentes da literatura universal. Fiel à primeira edição, esta é uma tradução de Carolina Ferreira Mendes que chega agora à rede livreira nacional. 

Admirável Mundo do Romance
Um Cântico de Natal
Charles Dickens
Ficção / Romance
136 páginas · 15x23 · 15 €
 

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia do filme "ÉPOCA DE CAÇA"

Em parceria com a Films4You, oferecemos convites duplos para a antestreia da hilariante comédia francesa, "ÉPOCA DE CAÇA", sobre um casal que se muda para o campo e descobre que os vizinhos usam o jardim como campo de caça, desencadeando uma guerra entre vizinhos!

Passatempo

Ganhe convites para a peça "23 SEGUNDOS"

Em parceria com o CENDREV - Centro Dramático de Évora, oferecemos convites duplos para a peça "23 Segundos", pela Comuna Teatro de Pesquisa. Tratando-se embora de ficção, a ação inspira-se numa situação verídica ocorrida na Cadeia do Forte de Peniche, na primeira metade dos anos 50, durante a ditadura do Estado Novo. Findo o passatempo, anunciamos aqui os nomes dos vencedores!

Visitas
92,929,210