"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Teatro e Dança

Mataram as searas - Rádio novela

"Mataram as searas" é uma novela escrita em 2015 por José Caldeira Duarte que a adaptou recentemente para teatro.

18 Mai a26 Mai

Online
Preço
Entrada livre

O Grupo de Teatro do Politécnico de Setúbal, sob a direção de José Gil, trabalhava a sua encenação e a estreia estava prevista para o Dia Mundial do Teatro, 27 de março de 2020.

O estado de emergência na sequência da pandemia provocada pelo novo coronavírus obrigou o Grupo de Teatro do Politécnico de Setúbal a adaptar o texto e o formato de apresentação. Recuperaram o conceito de novela radiofónica em episódios, que vai estrear na Alternativa Rádio, no dia 18 de maio, às 10h30.

Para o autor, “regressar a este formato significa manter viva a criação teatral em tempos difíceis”.

"Mataram as searas" é a história de gente que, num tempo de raiva e desespero, soube resistir. Como diz uma das personagens, sem bombas, sem tiros, sem napalm arrasaram um país e esse país era o meu …’

Atravessar a fronteira era coisa sem importância e sem controlo até há bem pouco tempo. Passador era profissão do passado e os caminhos do contrabando tinham sido apagados pelo mato. No ano em que mataram as searas, um grupo de amigos dá o salto para regressar ao seu país. Resistir, resistir ao roubo da terra e da dignidade era o seu sonho. Esta é a história da vida inventada por mulheres e homens que um dia decidiram começar de novo.
Visitas
50,960,183
>