"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Teatro e Dança

Terra Batida: Maria Lúcia Cruz Correia e Vera Mantero - Jurisplâncton

Maria Lúcia Cruz Correia e Vera Mantero partilham uma pesquisa, num formato performance-conferência-laboratório.

21 Nov   |  18h00

São Luiz Teatro Municipal
Rua António Maria Cardoso, 38, 1200-027 Lisboa

22 Nov   |  18h00

São Luiz Teatro Municipal
Rua António Maria Cardoso, 38, 1200-027 Lisboa

Aqui procuram estimular uma consciência em torno de uma ecologia interior e coletiva, a perceção do que são crimes ambientais e a função dos direitos da natureza. Serão propostos diálogos entre especialistas, juristas, ativistas, artistas, guardiões da natureza e a própria natureza. O formato vai ser estranho como o fundo do mar, envolvendo justiça restaurativa, performance, sexo entre baleias, rituais, participação, silêncio e um contrato com o mar.

Esta proposta enquadra-se num processo maior de pesquisa a decorrer na continuação do projeto Terra Batida e que resultará numa peça performativa em 2021.

Terra Batida é uma rede de pessoas, práticas e saberes em disputa com formas de violência ecológica e políticas de abandono. O conhecimento singular e local de conflitos socioambientais, aliado à ação em rede, convocam resistência aos abusos extrativos e também pedem cuidado: para especular e fabular, para construir visões e vidências sensoriais entre mundos exauridos e exaustos. Todos os eventos do Terra Batida no Alkantara Festival são de entrada livre.

De e com Maria Lúcia Cruz Correia, Vera Mantero
Com a participação de Maria Inês Gameiro, Margarida Mendes e outras pessoas convidadas

180min | M_12
Mais informações em www.alkantara.pt

Bilhetes disponíveis a partir das 13h do dia de cada evento, na bilheteira do Teatro São Luiz (física ou online). Serão entregues no máximo 2 bilhetes por pessoa.

[EN]

Tickets are available from 1 pm on the day of the event at the Teatro São Luiz box office (in person or online). Limited to two tickets per person.


Maria Lúcia Cruz Correia and Vera Mantero share their research in the format of a performance-conference-laboratory. They propose to raise awareness of an interior and collective ecology, the perception of what environmental crimes are, and the role of the rights of nature. Experts, lawyers, activists, artists, guardians of nature, and nature itself will be in conversation with each other. The format will be as strange as the bottom of the ocean, involving restorative justice, a performance, whale sex, rituals, participation, silence, and a contract with the ocean.

This presentation is part of an on-going research and creative process being developed in the context of the Terra Batida project. The final performative result will be presented in 2021. Terra Batida is a constellation of people, practices and knowledge taking a stand against ecological violence and politics of abandonment. Local knowledge of socio-environmental conflicts combined with an active network create a context for resistance to extractive abuses and, also, for practices of care — speculation, fabulation, and building visions and reflections of the future for our weary, worn-out worlds. All Terra Batida events at the Alkantara Festival are free to attend.

By and with Maria Lúcia Cruz Correia, Vera Mantero
Participants: Maria Inês Gameiro, Margarida Mendes, and other guests
Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para o concerto de Théo Ceccaldi e Roberto Negro

Ceccaldi e Negro são duas estrelas em ascensão no panorama do jazz europeu e sobem ao palco do Auditório de Espinho no dia 27 de novembro (sexta-feira), para um concerto muito especial. Neste passatempo, habilite-se aos convites duplos que temos para oferecer!

Visitas
55,203,307
>