"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Exposições

Exposição Periférico

Periférico é uma exposição coletiva de sete artistas FOmE: Fidel Évora, João Fortuna, Jorge Charrua, Ôje, Patrícia Mariano, Rita Melo e Sérgio Bráz d´Almeida.

21 Out a6 Nov

Óriq
R. Pereira e Sousa 13A, 1350-243
Lisboa
Preço
Entrada livre

As periferias são limbos que motivam movimentos pendulares entre a centralidade e o seu perímetro. São o supérfluo mas não o descartável. Não estão no centro mas estão perto dele.

A exposição Periférico debruça-se sobre este conceito através do trabalho de sete artistas – o número perfeito relacionado, simbolicamente, com a renovação e conclusão cíclica.

Assumimos a polissemia deste título que se insere na linha programática da FOmE pela reflexão sobre o conceito de periferia dos pontos de vista geográfico, temático e humano.

Abraçamos, inclusivamente, a vertente da periferia como um limbo entre a proximidade e a distância que entendemos como uma vantagem e caminho conceptual para o desenvolvimento desta curadoria.

Esta é uma exposição que junta artistas que se movem num meio periférico em termos geográficos mas também no meio artístico pela não institucionalização do seu trabalho. A representação da figura humana está em destaque nesta exposição e é abordada em vários planos, suportes e matérias que vão deste a madeira à serigrafia.

O número de artistas convocados, o sete, simboliza a reflexão sobre a programação passada da FOmE que se autorregenera, integra e renova a cada número da revista que neste momento vai na sua sétima edição.

Programação e Produção FOmE
Uma parceria com @oriq_2020

Agenda
Teatro e Dança

Feira de Outubro

AMAS - Auditório Municipal António Silva 27 Nov   |  21h00

Concertos

Maria Reis

Teatro Viriato 27 Nov   |  21h00

Ver mais eventos

Passatempos

Visitas
62,831,509
>