"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Notícias

Mickey tornou-se de domínio público é já protagoniza dois filmes de terror

Apenas 24 horas após a primeira versão de Mickey e Minnie ter entrado no domínio público, surgiram dois novos filmes de terror independentes, onde surge o famoso rato.

Os direitos de autor do desenho animado "Willie's Steamboat", uma curta em preto e branco de 1928, que tornou famosa a criação de Walt Disney, expiraram em 01 de janeiro, após 95 anos, de acordo com a lei norte-americana.

Esta circunstância permite agora a qualquer cineasta ou fã copiar, partilhar, reutilizar ou adaptar livremente a imagem dos personagens que ali aparecem, incluindo Mickey e sua companheira Minnie.

E alguns fãs não hesitaram em utilizar a imagem para novas criações, noticiou a agência France-Presse (AFP).

O filme "Mickey's Mouse Trap" apresenta a perseguição a um assassino mascarado disfarçado de Mickey, que segue um grupo de jovens amigos.

Uma segunda longa-metragem também mergulha os espetadores no terror, com um rato sádico a atacar passageiros inocentes num barco.

“Queríamos apenas divertir-nos com isto tudo”, contou Jamie Bailey, diretor de “Mickey’s Mouse Trap”, num ‘trailer’ divulgado na rede social YouTube.

"É o Mickey de 'Steamboat Willie' que mata pessoas. É ridículo”, apontou.

Este filme de terror de baixo orçamento está programado para ser lançado em março.

Por sua vez, o diretor Steven LaMorte – conhecido por “The Mean One”, um filme de terror de 2022 inspirado no Grinch – referiu à revista Variety que estava a trabalhar na sua própria “interpretação distorcida” de Mickey.

Esta produção ainda não tem título.

“O ‘Steamboat de Willie’ trouxe alegria a gerações, mas por trás desse exterior alegre existe um potencial para o terror puro e caótico”, destacou o diretor.

Os dois projetos relembraram o lançamento de “Winnie-the-Pooh: Blood and Honey”, uma produção independente que ganhou destaque depois dos direitos de autor dos primeiros livros do Ursinho Pooh ["Winnie the Pooh", no original em inglês] terem expirado.

A Disney, no entanto, é conhecida por monitorizar de perto as adaptações dos seus personagens e não hesitará em recorrer à justiça se alguém ultrapassar os limites.

Apenas a primeira versão do Mickey, um rato magro em preto e branco, é de domínio público. A personagem colorida, mais arredondada e agradável de filmes posteriores não está isenta de direitos.

Além disso, a proteção de marca registada significa que qualquer filme ou produto que possa induzir os consumidores a pensar que foi feito pela Disney pode ser alvo de processo.

Em comunicado, a Disney garantiu que “continua a proteger os [seus] direitos sobre as versões mais recentes do Mickey e sobre outras obras que permanecem protegidas por direitos de autor”.


Fonte: LUSA | 3 de janeiro de 2023

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia do filme "A ARCA DE NOÉ - A AVENTURA"

Em parceria com a Films4You, oferecemos Convites Família (3 bilhetes por convite) para a antestreia do filme de animação "A Arca de Noé - A Aventura". Uma abordagem divertida a uma das histórias mais icónicas e conhecidas de sempre, com humor e personagens adoráveis à mistura! 

Visitas
91,079,664