"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Publicações

Edição rara d’Os Lusíadas, de Camões, é acompanhada pela Visão Herética, de Jorge de Sena

E se Os Lusíadas pudessem ser lidos de outra maneira?

Inserida nasedições comemorativas dos 500 anos do nascimento de Camões, que a Guerra e Paz está a apresentar,Os Lusíadas e a Visão Heréticainclui, claro, a versão integral d’Os Lusíadas, precedida por uma breve apresentação de Jorge de Sena dos dez cantos da epopeia, e seguida por um esplêndido ensaio do poeta que resgata Os Lusíadas de qualquer visão paroquial, patrioteira, religiosa ou pietista: ali se cruzam as tradições cristãs, judaicas, pagãs e platónicas, numa visão política e religiosa heréticas. Estes são Os Lusíadas, carregados de glória, mas também de penitência, que ninguém pode usar para essa excitação nacionalista a que Sena chamou os «tais negros desígnios». 

Durante mais de 30 anos, Jorge de Sena fundiu-se, crítica e criativamente, com Luís de Camões, na sua opinião «o maior poeta em português», e com Os Lusíadas, escrevendo milhares de páginas de análise e de profunda e humaníssima emoção, projectando o poeta além do mero academismo, além de visões nacionais ou patrióticas, além até dos limites da língua portuguesa. Por isso, escolheram-se dois textos exemplares seus para enquadrar a edição que agora a Guerra e Paz publica por ocasião do 5.º centenário do Nascimento de Camões, que terá ocorrido em dia incerto, entre 1524 e 1525.

Os Lusíadas e a Visão Herética resgata Os Lusíadas de visões paroquiais e dos «imensos desertos que a má retórica ou a erudição acumularam», perdendo o medo de penetrar nesse grande épico e escutar-lhe o seu extraordinário pensamento. Esta é, portanto, e pelas razões expostas, uma edição rara de Os Lusíadas que apresenta um encontro de titãs. Celebração de Luís de Camões, mas também celebração da perseverante diligência crítica com que Jorge de Sena amorosamente intelectualizou e conceptualizou as emoções poéticas que Os Lusíadas encerram. Mais rara ainda por ser uma edição, com alguns requintes de design gráfico, um livro com capa dura, sem lombada, costura com linha preta à vista, as quatro faces do livro pintadas à mão.

Os Lusíadas e a Visão Herética
Luís de Camões | Jorge de Sena
Ficção / Poesia
352 páginas · 15x23· 20 €
Nas livrarias a 21 de maio de 2024
Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Passatempo

Ganhe convites para a antestreia de ORIGIN, DESIGUALDADE E PRECONCEITO

Em parceria com a PRIS Audiovisuais, oferecemos convites duplos para a antestreia do filme "ORIGIN" - drama da realizadora Ava DuVernay, nomeado ao Leão de Ouro no festival de Veneza. A antestreia realiza-se em Gaia e Lisboa, no próximo dia 29 de maio, às 21h30. Participa e habilite-se a ser um dos felizes contemplados!

Visitas
92,242,517