"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Conferências

O país que se segue: Estreia

Para continuar a acompanhar os Portugueses durante o difícil período que enfrentamos, a Fundação Francisco Manuel dos Santos (FFMS) lança “O País que se Segue”, um programa de conversas digitais que pretende pensar, em conjunto, o futuro de Portugal e dos Portugueses.

1 Abr a3 Abr

Fundação Francisco Manuel dos Santos
Online no site https://www.ffms.pt/
Lisboa
Preço
Entrada livre

Conversas digitais da Fundação sobre os desafios que os portugueses têm pela frente, quando os tempos de quarentena e isolamento social acabarem. Em debate, temas que vão da liberdade de expressão à saúde, da economia à educação, sempre moderados pelo jornalista Pedro Santos Guerreiro. De segunda a sexta-feira. O primeiro episódio é já, dia 1 de abril, com Ricardo Araújo Pereira. Veja em directo às 19h no site da Fundação ou live nas redes sociais. 

1 de abril, 19h
"O país que se segue": Episódio 1
A liberdade de expressão é mais necessária do que nunca? Com o autor Ricardo Araújo Pereira.
A liberdade de expressão, como direito fundamental, tem sido contestada numa série de democracias liberais e em regimes híbridos, como a Hungria ou a Polónia. A pandemia de coronavírus veio expor a importância desta liberdade para a estabilidade dos regimes políticos, sobretudo depois de a China ter abafado o início do surto. Quantas vidas poderiam ter sido poupadas se os primeiros casos fossem conhecidos mais cedo?

2 de abril, 19h
"O país que se segue": Episódio 2
COVID-19: Mitos e evidência científica sobre o coronavírus. Com o cientista David Marçal
Ainda são muitas as dúvidas sobre o novo coronavírus, que já infectou mais de 700 mil pessoas em todo o mundo. Uma conversa sobre os factos que já se conhecem e para desmontar notícias falsas e teorias da conspiração sobre este surto.

3 de abril, 19h
"O país que segue": Episódio 3
"A crise económica que se avizinha", com o economista Fernando Alexandre
O economista e professor da Universidade do Minho Fernando Alexandre responde ao jornalista Pedro Santos Guerreiro sobre a crise que se avizinha provocada pela travagem das economias mundiais causada pelo coronavírus.

#Veremcasa #Opaisquesesegue
Agenda
Ver mais eventos
Visitas
52,096,216
>