"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Cinema e Vídeo

A grande festa da curta-metragem está de volta com O Dia Mais Curto 2021

Pelo nono ano consecutivo, Portugal celebra O Dia Mais Curto com sessões de cinema por todo o país. Junte-se a nós e dê as boas-vindas a mais um Inverno no aconchego do cinema, auditórios, estações de metro... ou até mesmo do sofá.

21 Dez

De norte a sul do país, no continente e ilhas


Todos os anos, entre 21 e 22 de dezembro, o Inverno chega ao hemisfério norte. Este fenómeno astronómico que assinala o dia mais curto do ano inspirou a criação da festa que celebra o cinema no formato curto em todo o mundo: O Dia Mais Curto.

A Agência da Curta Metragem apresenta este ano 4 programas distintos, para todas as idades e públicos, com filmes portugueses ou internacionais, que serão exibidos de norte a sul do país, no continente e ilhas.

“Curtas do Mundo” propõe uma viagem por algumas das obras exibidas na mais recente edição do festival Curtas Vila do Conde. O programa “Novas Curtas Portuguesas” é uma oportunidade para conhecer autores nacionais e as histórias que têm para nos contar, enquanto as secções dedicadas aos mais jovens, “Curtinhas para Todos” (M/6) e “Amiguinhos” (M/3), prometem muita animação a par da educação pela imagem.

Aos programas propostos pela Agência da Curta Metragem, somam-se ainda as programações próprias das várias associações ou cineclubes que aderiram ao evento, sessões especiais para escolas, e a sua exibição televisiva ou online.

Junte-se à celebração do formato mais criativo e original do Cinema e dê as boas-vindas a mais um Inverno na melhor companhia!

As entidades poderão participar através dos programas oficiais disponibilizados pela Agência da Curta Metragem ou através de programação própria, ao longo do mês de dezembro.

Não perca a oportunidade de colaborar n'O Dia Mais Curto, o evento mundial que traz a magia da curta-metragem a todos os públicos!

Regulamento e inscrições: https://forms.gle/TGFeTqfMyc1F62A39 ou através de odiamaiscurto@curtas.pt


 

NOVAS CURTAS PORTUGUESAS

Duração 72’ · M/12
Ao longo dos últimos anos, a curta-metragem portuguesa tem visto reconhecida a sua qualidade em festivais de cinema de todo o mundo.

Uma seleção de obras Made in Portugal, que percorre todos os géneros cinematográficos, e promete não deixar ninguém indiferente.

THE SHIFT
Laura Carreira · Portugal · Reino Unido
2020 · FIC · 9’
Anna, uma trabalhadora temporária, passeia o cão de manhã antes de ir às compras.
Vagueia pela secção de produtos com desconto do supermercado, tentando encontrar os mais acessíveis. À medida que se aproxima da caixa, a agência liga; perdeu o turno.
The Shift procura capturar a condição vulnerável de um trabalhador temporário e revelar as consequências imediatas da distância perigosamente curta e sempre presente que separa emprego e pobreza, segurança e tumulto.

O TEU NOME É
Paulo Patrício · Portugal
2021 · ANI · 24’
Um olhar sobre o caso do assassinato de Gisberta Salce Jr., transexual, seropositiva, toxicodependente e sem-abrigo que foi violentamente torturada durante vários dias por um grupo de 14 adolescentes no Porto, em 2006. Com testemunhos de amigas
transexuais de Gisberta, assim como entrevistas inéditas a dois dos envolvidos no caso. Abordando conceitos como memória, violência, condição social, discriminação e identidade de género, “O Teu Nome É” confronta dessa forma diferentes perspetivas e dimensões da condição humana. (Prémio My Generation – 29º Curtas Vila do Conde).

SORTES
Mónica Martins Nunes · Portugal · Alemanha

2021 · FIC · 39’
Velhos montes vão caindo vagarosamente sobre a terra. A mesma terra da qual um dia foram erguidos. E sem protesto, voltam a ser só chão, como se não tivessem abrigado gerações de gente lavrando, semeando, ceifando, amassando e comendo o fruto do duro trabalho. Fingindo não ter escutado as estórias, modas, décimas e outras poesias; e testemunhado a seca, o abandono, a fuga para a cidade. Sortes acompanha a vida dos restantes habitantes e seus animais, espalhados pela Serra de Serpa no Baixo Alentejo. Ao ritmo do trabalho do campo e pela voz dos poetas populares, torna-se retrato dos que ficaram e réquiem aos que foram.

CURTAS DO MUNDO

Duração 78’ · M/12
Esta seleção reúne curtas-metragens de vários pontos do mundo e diferentes visões da sociedade contemporânea. “We Have One Heart”, “A Questo Punto” e “O Rei David”, três obras que oferecem um olhar astuto sobre problemáticas atuais que ultrapassam fronteiras.

WE HAVE ONE HEART
Katarzyna Warzecha· Polónia
2020 · ANI · DOC · 11‘
Depois da morte da sua mãe, Adam depara-se com algumas cartas que os pais trocaram anos antes. Esta é uma oportunidade para ele saber mais sobre o pai que nunca conheceu. A justaposição de desenhos animados e material de arquivo faz-nos voltar quarenta anos atrás e permite-nos descobrir um extraordinário segredo de família.

A QUESTO PUNTO
Pablo Cotten, Joseph Rozé · França
2021 · FIC · 26‘
Depois de se conhecerem numa festa, Isaac e Ava passam a noite a caminhar no frio inverno parisiense e, sem se aperceberem, apaixonam-se. Mas Ava tem que ir para o Brasil no dia seguinte. Enquanto ele espera por ela sozinho, Isaac descobre que o avião de Ava desapareceu.

O REI DAVID
Lila Pinell · França
2021 · FIC · 41‘
Shana está à procura de um emprego e precisa de dinheiro para deixar a França e seu grupo errado. Mas o passado que ela quer esquecer nunca está longe. Além disso, quererá ela realmente deixar tudo para trás?

CURTINHAS PARA TODOS

Duração 54’ · M/6
Programação que parte dos filmes premiados na mais recente edição do Curtas Vila do Conde e pretende mostrar a crianças e famílias que, tal como a nossa imaginação, também o cinema de animação não tem limites. Preparem-se para conhecer novos mundos com muita animação, diversão e aventuras.

KIKI, O PASSARINHO
Julie Rembauville, Nicolas Bianco-Levrin · França
2020 · ANI · 6’
Um pássaro sonha em voar com os pássaros livres lá fora. Quando finalmente tem uma oportunidade, foge e encontra um amigo que lhe propõe viver em liberdade. 

(Menção honrosa M/3 – 29o Curtas Vila do Conde)

TESOURO
Alexandre Manzanares, Guillaume Cosenza, Philipp Merten, Silvan
Moutte--Roulet · França
2020 · ANI · 7’
Uma paixão que surge nas profundezas do mar acaba por ser confrontada com uns desafios bem peculiares.

GUARDA-CHUVAS
José Prats, Álvaro Robles · França · Espanha
2020 · ANI · 12’
Numa vila onde a chuva nunca para, Kyna passa os dias a brincar, protegida pelo seu pai. Uma noite, a sua cadela desaparece. (Menção Honrosa M/6 – 29º Curtas Vila do Conde).

VANILLE
Guillaume Lorin · França · Suíça
2020 · ANI · 29’
Vanille, uma jovem parisiense, embarca numa aventura exótica e cheia de mistério em Guadalupe. São umas férias que prometem ser cheias de surpresas! (Prémio Curtinhas – 29º Curtas Vila do Conde)

AMIGUINHOS

Duração 44’ · M/3
Preparado pelo Short Circuit, uma rede europeia de organismos que se dedicam à distribuição e promoção de curtas-metragens, o “Amiguinhos” propõe, uma vez mais, um conjunto de filmes de vários países europeus a pensar nos mais pequenos.

CLICK
Marine Jacob · Bélgica
2017 · ANI · 1’
Num jardim zoológico, um menino tenta fotografar uma borboleta e ignora os outros animais à sua volta.

PAWO
Antje Heyn · Alemanha
2015 · ANI · 8’
Pawo (tibetano para “ser corajoso”) é a aventura mágica de uma pequena boneca, que se encontra num mundo curioso. Graças a alguns estranhos companheiros, ela torna-se gradualmente consciente da sua força e habilidades.

DODU – O RAPAZ DE CARTÃO
José Miguel Ribeiro · Portugal
2010 · ANI · 5’
Dodu, o rapaz de cartão, é muito sensível e vive numa cidade hostil para as crianças.
Por isso, passa muitas horas dentro de casa, a brincar com Carica, a sua amiga joaninha.
Sempre que Dodu arranha a superfície do caixote de cartão, cria mundos maravilhosos habitados por criaturas invulgares que o ajudam a lidar com as suas emoções e a crescer.

URSA – A CANÇÃO DA AURORA BOREAL
Natalia Malykhina · Noruega
2021 · ANI · 10’
Uma bela e melancólica história sobre um pequeno urso polar que está sozinho no escuro e frio Ártico à procura da sua mãe.

A LUPA
Nazgol Emami · Alemanha
2017 · ANI · 11’
Com muita imaginação e uma lupa, uma menina consegue transformar a sua nova casa num mundo mágico. Se ao menos não houvesse aquele toque irritante da campainha!
Quem poderá ser?

DESPERTADOR
Filip Diviak · República Checa
2017 · ANI · 10’
Num país nórdico e frio, no início do século 19, acompanhamos a história da vida estereotipada de um velho cujo trabalho é ser o despertador, ou seja, um homem que desperta pessoas. A sua vida ainda é a mesma, até ao dia em que ele ganha um velho
e brilhante sino.


>> Saiba mais AQUI 

Agenda
Teatro e Dança

Feira de Outubro

AMAS - Auditório Municipal António Silva 27 Nov   |  21h00

Concertos

Maria Reis

Teatro Viriato 27 Nov   |  21h00

Ver mais eventos

Passatempos

Visitas
62,830,868
>