"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Os contemporaneístas espanhóis perante a Primeira República portuguesa ou o reconhecimento de uma dívida historiográfica

O seminário de História Comparada, organizado pelo grupo de investigação História Política Comparada do IHC - NOVA FCSH, propõe uma reflexão acerca do método comparativo e do seu contributo para uma compreensão inédita dos processos históricos contemporâneos. 

25 Jan 2023  |  18h00

Biblioteca Nacional de Portugal
Campo Grande, 83, 1749-081 Lisboa
Preço
Entrada livre


Cada sessão contempla a apresentação de uma investigação na qual é abordada uma problemática histórica marcante do século XX.

Resumo
Partindo da escassa atenção que a história da Primeira República portuguesa tem recebido dos contemporaneístas espanhóis, M.ª Concepción Marcos del Olmo, professora de História Contemporânea na Universidade de Valladolid, centra a sua atenção nas diferentes formas de abordar este período, produzidas pela historiográfica luso-espanhola, passando depois a tratar das semelhanças e diferenças apresentadas pelos processos de laicização do Estado português (1911) e espanhol (1931-1933).

Sobre a oradora 
Maria Concepción Marcos del Olmo é Professora Titular de História Contemporânea da Universidade de Valladolid. Foi Coordenadora do curso de História entre 2014 e 2018 e diretora da revista Investigaciones Históricas (2012-2017). Investigadora Principal do Projeto I+D "Discursos y prácticas en torno a la religión en tiempos de radicalismo político: España 1820-1823; 1868-1874 y 1931-1936. Una perspectiva comparada" (HAR2017-88490-P).

Organização: IHC - NOVA FCSH / IN2PAST

O IHC é financiado por fundos nacionais através da FCT -Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito dos projectos UIDB/04209/2020 e UIDP/04209/2020.

Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Visitas
75,467,460