"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Efemérides

Morte de Bocage

Considerado o maior poeta português do século XVIII, participou ativamente da vida boémia de Lisboa, o que se traduziu por um conjunto de composições satíricas e libertinas que o levaram à prisão (1797).

(Setúbal, 15 de setembro de 1765 - Lisboa, 21 de dezembro de 1805)

A sua capacidade de improvisação tornou-se lendária. Começou por pertencer à Nova Arcádia, dentro do paradigma neoclássico, para logo abandoná-la, tornando-se um dos grandes precursores do romantismo.
Visitas
50,941,883
>