"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Efemérides

Morte de Carlos Cruz Amarante

A 22 de janeiro de 1815, faleceu no Porto o engenheiro e arquiteto Carlos Cruz Amarante.

(Braga, 29 de outubro de 1748 - Porto, 22 de janeiro de 1815)

As suas primeiras obras como arquiteto foram executadas em Braga. Entre elas destacam-se as casas do Dr. Francisco Maciel Aranha e da família Vilhena Coutinho e o presbitério de S. Pedro de Maximinos. Depois da concretização destas obras recebeu encomendas mais exigentes, que rapidamente fizeram de Carlos Amarante um dos principais arquitetos bracarenses do século XVIII. Para o Santuário do Bom Jesus do Monte (1784-1811) traçou, em 1781, o projeto do novo templo, assim como o jardim, as ermidas, a fonte do Terreiro de Moisés e o Escadório das Virtudes. Nestas obras afirmou-se como um arquitecto do Neoclássico, embora noutros projetos tivesse utilizado elementos barrocos e rococós, de que constituem exemplo a fachada da Igreja de Nossa Senhora do Pópulo e o Hospital de S. Marcos, ambos em Braga.

Agenda
Teatro e Dança

Ricardo III

Teatro da Trindade INATEL 14 Abr a21 Jun

Ver mais eventos
Visitas
48,856,027
>