"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Efemérides

Morte de David Mourão-Ferreira

No dia 16 de junho de 1996 faleceu o escritor David Mourão-Ferreira.

Lisboa, 24 de fevereiro de 1927 — Lisboa, 16 de junho de 1996

Poeta, romancista, novelista, contista, dramaturgo. Mas também ensaísta, cronista, tradutor, crítico literário, e professor.
David Mourão-Ferreira tinha “o ofício de escreviver”, expressão inventada para condensar toda a existência: precisava de viver para escrever e de escrever para viver. Das múltiplas linguagens que experimentou, a poesia foi a que mais o tornou conhecido e reconhecido: apesar de ter explorado outras temáticas como a obsessão da morte e a angústia de existir, ficou o poeta do amor e da sensualidade.

Agenda
Teatro e Dança

Ricardo III

Teatro da Trindade INATEL 14 Abr a21 Jun

Ver mais eventos
Visitas
48,855,694
>