"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"

Efemérides

Nascimento de Rui Mário Gonçalves

No dia 12 de outubro de 1934 nasceu Rui Mário Gonçalves, um dos críticos de arte mais importantes da segunda metade do século XX

Penafiel, 12 de outubro de 1934 - Lisboa, 2 de maio de 2014

Nascido em Penafiel, em 1934 e irmão do pintor Eurico Gonçalves, Rui Mário Gonçalves interessou-se desde cedo pela arte, apesar de ter começado por estudar Ciências Físico-Químicas na Universidade de Lisboa. No início dos anos 60, foi para Paris como bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian, tendo estudado com Pierre Francastel. Em 1967, iniciou a sua carreira como professor no curso de formação artística na Sociedade Nacional de Belas-Artes e ensinou ainda nos anos 70 nas escolas de teatro e de cinema do Conservatório Nacional de Lisboa. Era professor catedrático jubilado da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, no Departamento de Literaturas Românicas, onde entrou em 1974.

O crítico fundou a secção portuguesa da Associação Internacional de Críticos de Arte nos anos 60, fundamental no reconhecimento da actividade da crítica de arte em Portugal.

“A arte é geralmente a primeira reveladora das transformações que a humanidade deseja. Não é a política. A boa política é aquela que serve os verdadeiros anseios da Humanidade, e esses verdadeiros anseios são expressos na melhor arte”, disse Rui Mário Gonçalves numa entrevista à Antena 2 em 1997.








 
Agenda
Ver mais eventos

Passatempos

Visitas
54,576,643
>